sexta-feira, 6 de abril de 2012

JESUS E DIMAS, O LADRÃO


O que dizer quando JESUS estava na cruz e o ladrão á sua esquerda pede que ele se lembre dele no seu reino e ele fala: “ainda hoje estareis comigo no meu reino.” Isso não significa o perdão concedido por JESUS?

Segundo Divaldo Franco no livro "Entrevistas e Lições": "o reino como ensinou Jesus, está dentro de nós, portanto, não é um lugar no Além-túmulo. Então, ao arrepender-se pelos delitos cometidos, o ladrão começou uma mudança interior de comportamento que repercutirão no seu futuro renovado, será um verdadeiro céu para sua consciência." Como disse Emmanuel: “A concessão paternal de Deus, no que se refere à reencarnação para a sagrada oportunidade de uma nova experiência, já significa, em si, o perdão ou a magnanimidade da Lei.” Então, o perdão que o Espiritismo e os amigos espirituais preconizam em verdade não é de fácil execução. Requer muito boa-vontade. Demanda esforço - esforço continuado, persistente. Reclama perseverança. Pede tenacidade.

OBSERVAÇÃO: Diz Therezinha Oliveira que talvez a frase correta seja: "Em verdade te digo hoje: estarás comigo no paraíso" e não "Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso."
 
 
 
 
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário