quarta-feira, 18 de junho de 2014

COMO VOCÊ ENCARA O SOFRIMENTO?

Foto: <3 <3 COMO VOCÊ ENCARA O SOFRIMENTO? <3 <3

O sofrimento, por si só, não muda ninguém. O que muda é o aprendizado que cada um é capaz de fazer diante da dor que nos visita. Chico Xavier ensina que diante dos obstáculos da vida cada um pode ser ABISMO ou PONTE. Se apenas dramatizo a dor, eu vou para o ABISMO dos sofrimentos intermináveis. Mas, se interpreto a dor como um aviso de que eu não estou dando o melhor de mim para a vida, transformo a dor em PONTE para o meu progresso e felicidade. Tudo é uma questão de escolha, escolha que cada um de nós está fazendo a cada minuto da nossa existência. 

José Carlos de Luccas

OBSERVAÇÃO: Quando o Cristo disse: "Bem-aventurados os aflitos, o reino dos céus lhes pertence", não se referia de modo geral aos que sofrem, visto que sofrem todos os que se encontram na Terra, sejam ricos ou pobres. Mas, ah! poucos sofrem bem; poucos compreendem que somente as provas bem suportadas podem conduzi-lo ao aprimoramento moral, maturidade e sabedoria que são um presente de Deus. O desânimo é uma falta de fé. Deus vos recusa consolações, desde que vos falte coragem. A prece é um apoio para a alma; contudo, não basta: é preciso tenha por base uma fé viva na bondade de Deus. Ele já muitas vezes nos disse que não coloca fardos pesados em ombros fracos. O fardo é proporcionado às forças, como a recompensa o será à resignação e à coragem. Mais opulenta será a recompensa, do que penosa a aflição. Cumpre, porém, merecê-la,e é para isso que a vida se apresenta cheia de tribulações. Bem-aventurados os aflitos pode então traduzir-se assim: Bem-aventurados os que têm ocasião de provar sua fé,sua firmeza, sua perseverança e sua submissão à vontade do PAI. . - (Lacordaire)
 
O sofrimento, por si só, não muda ninguém. O que muda é o aprendizado que cada um é capaz de fazer diante da dor que nos visita. Chico Xavier ensina que diante dos obstáculos da vida cada um pode ser ABISMO ou PONTE. Se apenas dramatizo a dor, eu vou para o ABISMO dos sofrimentos intermináveis. Mas, se interpreto a dor como um aviso de que eu não estou dando o melhor de mim para a vida, transformo a dor em PONTE para o meu progresso e felicidade. Tudo é uma questão de escolha, escolha que cada um de nós está fazendo a cada minuto da nossa existência.
 
 
José Carlos de Luccas
 
 
 
OBSERVAÇÃO: Quando o Cristo disse: "Bem-aventurados os aflitos, o reino dos céus lhes pertence", não se referia de modo geral aos que sofrem, visto que sofrem todos os que se encontram na Terra, sejam ricos ou pobres. Mas, ah! poucos sofrem bem; poucos compreendem que somente as provas bem suportadas podem conduzi-lo ao aprimoramento moral, maturidade e sabedoria que são um presente de Deus. O desânimo é uma falta de fé. Deus vos recusa consolações, desde que vos falte coragem. A prece é um apoio para a alma; contudo, não basta: é preciso tenha por base uma fé viva na bondade de Deus. Ele já muitas vezes nos disse que não coloca fardos pesados em ombros fracos. O fardo é proporcionado às forças, como a recompensa o será à resignação e à coragem. Mais opulenta será a recompensa, do que penosa a aflição. Cumpre, porém, merecê-la,e é para isso que a vida se apresenta cheia de tribulações. Bem-aventurados os aflitos pode então traduzir-se assim: Bem-aventurados os que têm ocasião de provar sua fé,sua firmeza, sua perseverança e sua submissão à vontade do PAI. 
 
 
 (Lacordaire)
 
 
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário