segunda-feira, 16 de março de 2015

QUEM FOI MARIA DE NAZARÉ NA ENCARNAÇÃO PASSADA?

 
 
No livro Judite, do velho testamento, capítulo 13, versículo 18 a 23 diz: “Ozéas, príncipe do povo de Israel, disse-lhe: Ó filha, tu és bendita do Senhor.”
Luiz Sérgio perguntou:
- Por que Judite foi chamada bendita?
Resposta:
- Estas palavras também foram endereçadas á Maria, que seria chamada bendita entre todas as gerações como a mãe de Jesus. Judite após a morte do marido tornou-se admirada por sua virtude e castidade. Quando Judite foi chamada bendita, ela assim se tornaria graças ao perdão da reencarnação.
Disse Luiz Sérgio:
- Após esta resposta, compreendi melhor a grandeza da reencarnação. (...) busquei outras passagens do Livro de Judite e me detive no cap. 10, vers. 6 e 7: “(Judite) Ao chegar à porta da cidade, encontrou Ozéias e os anciãos da cidade que a estavam esperando. Eles, ao vê-la, ficaram estupefatos e maravilhados da sua beleza.” E no cap. 8, vers. 7 e 8 dizia: “Era de belíssimo aspecto. Ela era estimadíssima de todos porque tinha temor de Deus e não havia ninguém que dissesse dela uma palavra de desfavor.” Ali mesmo recordei Maria e sua beleza por todos nós conhecida. Judite, para salvar o seu povo, degolou Holofernes. Quantos de nós, ao defrontarmos com as cenas da crucificação de Jesus, não ficamos compadecidos com a dor de Maria. Ninguém mais do que Ela sofreu ao presenciar o Seu filho sendo torturado inocentemente. Ela expiava a Sua dívida por ter tirado a vida física de um homem.

 


Trecho do livro CHAMA ETERNA, retirado por Rudymara para o estudo do Grupo de Estudo "Allan Kardec".


De: Luiz Sérgio (espírito)

 
 


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário